Pá daqui, pá dali ... Sei lá, entende?

Fazer relacionamentos.... palavras muito ouvidas durante o curso de Relações Públicas. E, interessante dizer como a tecnologia veio para ser um facilitador nessa questão. Lançamos nosso blog e partimos para divulgá-lo em outros pontos da rede. Nessa jornada acabamos aumentando nossa rede de relacionamentos. Encontramos o blog do Márcio Gonçalves, um estudioso da área de comunicação, e a nosso pedido ele nos enviou um post muito interessante e bem humorado, mas que nos traz grandes reflexões sobre nossa postura como comunicadores.
Obrigado Márcio e esperamos que a amizade que está começando traga grandes contribuições ao Mundo da Comunicação!

Pá daqui, pá dali ... Sei lá, entende?
Lembra do personagem Patropi, da Escolinha do Professor Raimundo, aquele interpretado pelo humorsita Orival Pecini? Pois é, para quem não sabe, os bordões “Pá daqui, pá dali ... Sei lá entende?...Você parece que não sei, meu!” mostravam uma sátira aos estudantes de comunicação social, que falavam sem parar, mas a eles faltava uma qualidade primordial nos dias de hoje: objetividade.

Não dá mais para um estudande de comunicação social, ou até mesmo que você seja um profissional do mercado, comportar-se com um cara sei lá, entende? Digo isso porque para os profissionais de comunicação do século 21, ser tachado como um Patropi não é legal. A todos nós, sobretudo àqueles que pretendem trabalhar com comunicação organizacional, é preciso ter um discurso coerente, inteligente e, mais ainda, um pensamento estrategista. Isso mesmo. As empresas cobram destes (novos) comunicólogos/comunicadores um pensamento que eleve a comunicação organizacional ao posto de departamento/área/ setor estratégico. Considero que a comunicação nas empresas deva gerar bons resultados e bem-estar. Sendo assim, temos que, também, desenvolver habilidades de administrador, estudando estratégias de comunicação e de relacionamento. Afinal, se não tivermos essas qualidades, cada vez mais teremos nas empresas pessoas com tais habilidades, mas sem formação em comunicação, assumindo postos de gerentes/coordenadores/diretores das áreas de comunicação corporativa.

Então, você já parou para pensar se está comportando-se como um Patropi?


Marcio Gonçalves por ele mesmo...
Rio de Janeiro, RJ, Brazil
"Sou um curioso de nascença, que sempre se preocupou em compartilhar tudo o que aprendeu na vida com os amigos. Acho que por isso virei um pesquisador. Formado em jornalismo e especialista em Pesquisa de Mercado e Opinião Pública, em 2006 concluí o mestrado em Ciência da Informação e, muito em breve, já ingressarei no doutorado. Enquanto isso, pesquisa vai, pesquisa vem, continuo na luta para encher meu baú de conhecimento. Contatos imediatos pelo email: contato@mosaicocomunicacoes.com".


http://marcio-comunicacaoempresarial.blogspot.com/

Postado por Juliano Melo.

This entry was posted on sábado, 29 de setembro de 2007 and is filed under . You can follow any responses to this entry through the RSS 2.0. You can leave a response.

2 Responses to “Pá daqui, pá dali ... Sei lá, entende?”

Anônimo disse...

Lado positivo:

Só os comunicolos se entendem e entende as necessidades de comunicação do mercado ...não adianta colocar um engenheiro, um técnico de sei lá entende..rss, para atuar em mkt, RP, ou jornalistas.. ou o oposto.

Entre os comunicolos só um olhar já diz tudo, mas temos q nos atentar aos demais que precisam de um olhar, desenho, grafico, frases rebruscadas até um aperto de mão, e para indentificar tudo isso temos uma sensibilidade privilegiada! Portanto:
"Contrate um comunicologo".
freelancemkt@hotmail.com

ser.RP... disse...

Eh... o mundo da comunicação está cheio de gente que não é do mundo da comunicação.
Obrigado pelo comentário.
Abraços.
Equipe Ser.RP